Bartwist

Bloody Mary

// Descrição

Recuamos aos anos 20 quando, em Paris, a imaginação de Fernand Petiot fervilhava e o Bloody Mary nascia. Da sua simples combinação inicial de vodka com tomate, evoluiu para o estatuto de um dos cocktails mais desconcertante da história da mixologia.

Volvido quase um século, o Bloody Mary continua emblemático. É aveludado, destaca-se pela sua cor vermelha única, e o sabor, picante e quente, também desperta os sentidos. Diz-se, ainda, que é sazonal: casa bem com as tardes quentes de verão e é um ótimo aconchego para as noites frias de inverno.

// Ingredientes

  • 90 ml de sumo de tomate
  • 45 ml de vodka
  • Sumo de meio limão
  • Molho inglês
  • Molho de tabasco
  • Sal e pimenta QB
  • Gelo QB

// Modo de preparação

Esprema o limão e coe o sumo. Num copo alto, junte algumas gotas molho inglês, sumo de tomate e limão, tempere com sal e pimenta e envolva com uma colher de bar. Adicione alguns cubos de gelo. Junte vodka e algumas gotas de tabasco, misture delicadamente e sirva.

Veja também...

Black Russian

Tropical Brazil

Gin Fizz

Margarita

Tom Collins Cucumber